Violentas Aceleradas na volta da Balada

Photo from www.pumpthatpedal.com

Um dia estava voltando da balada e, numa grande avenida, devia ser umas 5h da manhã, tinha um grupo de 3 mulheres voltando pra casa. Elas deviam estar voltando a pé. Olhei pelo retrovisor e fiquei imaginando se alguma delas podia dar umas aceleradas, eu estava bem cansado mas pensei que não custava nada tentar. Encostei o carro. Esperei um tempo com o capô aberto e, para minha surpresa, só umas das meninas continuou a caminhada as outras devem ter entrado nos prédios da avenida.

Então eu perguntei se ela podia me ajudar, estava com o capô aberto e o carro ligado. Ela perguntou se eu tinha acabado de passar por elas eu disse que sim mas que tinha acendido uma luz no painel do carro indicando temperatura alta e eu queria verificar aquilo.

Ela disse que não entendia nada de carro e nunca tinha dirigido. Eu disse que era simples eu precisava que ela acelerasse o carro pra mim. Ela aceitou e foi sentando no banco, meio sem graça, com aqueles keds branquinhos. Era uma moça meio feiinha e magra, mas apostei na potência de seus pesinhos.

Pedi pra ela acelerar o carro e ela disse que eu deveria dizer como fazer. Nesta hora imaginei que a sessão de revving era promissora. Eu cheguei na porta do motorista e disse que o acelerador era o da direita. Era só pisar e nada mais. Ela sem noção nenhuma, pisou no acelerador com tudo e quando o carro urrou ela tomou um susto. Eu ri e disse para acelerar sem medo.

Pedi pra ela pisar de novo e ela acelerou até o fundo e soltou rápido. Eu disse que ela devia pisar sem medo. Ainda na porta do motorista, disse, pode afundar o pé sem dó e segurar. Ela então pisou meio com receio até o fim deu uma seguradinha e soltou. Eu disse finca o pé mesmo sem medo e ela fincou o pé sem dó. Ficou segurando e o carro gritava alto com aquele keds travado no acelerador. Ela se segurando no banco meio com receio e eu ficando maluco com aquele revving escandaloso até que pedi pra ela soltar.

Ela disse que ia estragar o carro daquele jeito. E eu disse pra ficar tranqüila e pedi pra pisar e soltar. Ela começou. Pisar e soltar até o fundo bem rápido. E eu ao lado disse pra ela apertar até o fundo mesmo, que iria verificar o motor. Fui pra frente do carro e ela pisava até o fundo e soltava, pisava e soltava, pisava e soltava e o carro gritava cada vez que ela apertava o acelerador.

Voltei para a porta do motorista e disse pra ela realmente acelerar, sem medo e sem dó. Pois eu queria verificar o motor quando ele estivesse bem quente. Pra ver se tinha problema. Expliquei como ela deveria fazer e ela realmente fez como eu pedi. Aí o pedal pumping foi de outro planeta. Ela começou acelerando gradativamente mais forte. Começou a pisar até o fundo e soltava até a metade e apertava de novo. Depois começou a pisar até o fundo, soltar por um tempo e pisar outra vez, até o fundo. Fez isso umas 5 vezes. Então eu disse pra ela fincar o pé de uma vez e segurar sem medo. Ela atolou o pé e ficou segurando sem dó. O carro gemia e gemia e eu pedi pra ela apertar mais fundo e ela então se esticou e pressionou o acelerador ainda mais. O carro estava chacoalhando e ela continuou com o pezinho atolado no acelerador. Depois de uns 15 segundos eu pedi pra ela soltar. Ela estava ofegante. Acho que se assustou.

Pedi pra ela castigar outra vez e ela fincou o pé e se esticou novamente, eu fui apra a frente do carro enquanto ele gemia e chacoalhava. Voltei para a porta do motorista e disse pra ela soltar. Ela tirou o pé e nem olhava pro lado, só olhando pra frente ofegante. Eu disse que realmente estava com problema pois não deveria chacoalhar daquele jeito.

Agradeci o favor e ofereci carona, mas ela estava perto de casa e continuou a pé.

Anúncios

Comente sobre essa História

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s